joomla 1.6

Decorando ambientes pequenos


Atualmente nem todos podem contar com uma empregada que durma no emprego, portanto, as famílias vêem-se, na sua maioria, em posse de um minúsculo dormitório, muitas vezes vazio, em seu apartamento.

Diferente do W.C. de empregada, que é utilizado pela diarista ou mesmo por algum profissional de manutenção de eletrodomésticos, eletricistas ou encanadores, o pequeno dormitório fica sem a sua função primordial e por vezes transforma-se em despensa, ou mesmo em um depósito de coisas das quais "algum dia iremos precisar".

Mas existem outras funções mais importantes ou mais úteis a serem admitidas a esse compartimento.

Decoração 1

Com a necessidade cada vez maior de se ter um computador em casa, seja para facilitar o trabalho não terminado na empresa, ou para navegar na Internet ou divertir-se com jogos e afins, todo mundo quer o seu computador em algum lugar onde se possa trabalhar sem o inconveniente de ouvir a TV ou outros ruídos domésticos e, ao mesmo tempo, manter um controle das horas gastas pelas crianças em frente a essa tela mágica.


Decoração 2

É pensando assim que muitas famílias optam por transformar o apertado quarto em um pequeno mas prático escritório; e, para tanto, não é aconselhável que se compre móveis prontos, pois estes não se adaptarão perfeitamente ao complicado espaço que, por vezes, faz a passagem da área de serviço ao W.C., tendo assim, duas portas e às vezes ainda uma janela. Portanto, é melhor fazer um desenho detalhado, aproveitando cada cm. do espaço a seu favor e para isso, nada melhor que um bom profissional e um ótimo marceneiro!

Deve-se pensar muito na cor a ser utilizada, sendo o espaço muito apertado, não é aconselhável o uso de cores fortes ou escuras, assim como madeiras em tons escuros. É necessário verificar o que se deseja colocar no espaço, um computador com todos os seus adendos (cuidado com as tomadas!) ou um simples lap top, gavetas para pastas suspensas (assim se organizam melhor os documentos da família), algumas prateleiras ou gavetas simples e armários para poucos livros, que podem ser abertos ou fechados. Se a opção for fechá-los para impedir o acúmulo de poeira, deve-se ter o cuidado de fechá-los com vidro para que o espaço não fique muito opressivo, com móveis altos e fechados.Quanto às portas, se houver duas, é interessante que pelo menos uma, a de entrada ao aposento, seja transformada em porta de correr, que utiliza menos espaço, ou conforme a disposição do quarto no apartamento, suprimir uma das paredes, abrindo o escritório para a área íntima. No mais, é só dar uma "personalidade" ao seu novo escritório, utilizando micro-persianas na janela para evitar reflexos e acentuar o detalhe de cor, e colocando seus quadros pequenos e prediletos, assim como alguns porta-retratos e uma plantinha charmosa!

Vemos a seguir um exemplo de projeto para escritório com porta de correr e outro exemplo aberto para a área íntima do apartamento, utilizando uma divisória de vidro jateado para definir os ambientes. É interessante observar no exemplo da foto como um projeto sob medida pode ajudar na distribuição interna dos móveis, paroveitando espaços para acondicionar a impressora sem que fique exposta à poeira, posicionando uma prancha para apoio de livros a serem consultados, criando espaço e passagem para toda a fiação, ficando assim escondida, mas ao mesmo tempo tendo fácil acesso para manutenção e proporcionando uma boa localização ergonômica do teclado retrátil.