joomla 1.6

Porque móveis assinados?

Como escolher os móveis para sua casa? Por que alguns são tão absurdamente mais caros que outros? Vale a pena investir tanto dinheiro em mobiliário? Essas são algumas perguntas que fazem as pessoas que estão iniciando a procura pelo mobiliário ideal para sua residência. É um assunto delicado, pois é necessário entender-se a diferença que existe entre um móvel industrial, sem estudo de design e ergonomia e um móvel assinado, que traz consigo anos de estudo, elaboração e sucesso mundial.

O pioneiro do design moderno foi Charles Rennier Mackintosh, arq. Escocês muito à frente do seu tempo, enfatizou a funcionalidade das formas e pesquisa de novos materiais.


3 Hill House

Na esteira de Mackintosh veio a transformação social que se deu na Alemanha através da escola Bauhaus de 1919 a1932. Marcel Breuer e Mies van der Rhoe criaram móveis em tubos de aço, material que caracterizou a produção do séc. XX.


Cadeira Wassily
Marcel Breuer4

Quem haveria de dizer que a famosa cadeira Hill House foi projetada em 1902 e a Willow em 1904?


6 Willow

Para Le Corbusier, arquiteto suíço (1887-1965), o mobiliário, mais que um elemento decorativo era umequipamento da casa.


Mies van der
Rohe4




Sofá Maralunga
Vico Magistretti
Todos esses designers e arquitetos famosos e tantos outros, criaram um mobiliário diferenciado e muito bem estudado em sua forma, função, proporção, ergonomia e versatilidade, que se tornaram marco e base para seus seguidores. Não são descartáveis, são úteis e inovadores até hoje, compõe muito bem com móveis de designers mais atuais como o italiano Vico Magistretti.

São caros, às vezes muito caros, mas o que se precisa ter em vista é que se está pagando por um longo estudo de um profissional que se preocupou em desenhar algo especial, confortável, de qualidade superior, com garantia e assistência técnica.

Se você prestar atenção nessas cadeiras e chaises-longues, vai perceber que já as viu em algum lugar, numa revista importada, na casa de alguém famoso... é como ter uma obra-de-arte em sua casa, assinada e com preço de revenda.


Chaise longue de Mies van der Rohe
Não somente esses designers consagrados há tantos anos mas os novos designers europeus, americanos e também os brasileiros, que não deixam nada a dever, são dignos de um pouco mais da sua atenção e acuidade na hora de escolher o mobiliário da sua casa, afinal é a sua casa e é ótimo se sentir bem, confortável e ao mesmo tempo ter um ambiente aconchegante e diferenciado, de "bom gosto".




Cadeira Kalanto de Maurício Klabin